No passado sábado, dia 2 de maio, o Movimento dos Cursilhos de Cristandade do Montijo fez festa com e em Cristo. O momento que vivemos impede o nosso encontro presencial das quintas-feiras à noite, mas não inibe o nosso ser cursilhista e cristão, tendo o Movimento, através das novas tecnologias digitais, marcado presença com um encontro cheio de alegria e amor, onde a única coisa que faltou foi o abraço físico entre irmãos.

Neste encontro o Sr. Padre Geraldo Kalemesa, nosso Diretor Espiritual, recordou-nos que apesar do afastamento físico, podemos permanecer em comunhão espiritual pela oração. Recordou-nos, também, do rosto de Cristo nos doentes e nos seus cuidadores nestes tempos difíceis. Assim, com palavras de esperança e confiança n´Aquele que nos salva, o Sr. Padre Geraldo transmitiu a todos a sua serenidade e a sua alegria, que a todos encorajou, pelo que se pôde ouvir na partilha daqueles que participaram.

Todos os que participaram, cerca de 40 irmãos cursilhistas do Montijo, partilharam as suas fragilidades na vivência deste tempo de quarentena devido à Pandemia do Covid-19, mas nenhum perdeu a esperança e a fé em Cristo e no caminho que Ele está a traçar para cada um de nós e para a nossa sociedade atual.

Cristo coloca-nos este sacrifico e pede-nos que ao protegermo-nos, protejamos também os mais frágeis: os idosos, as pessoas doentes e as crianças. É, assim, evidente que esta pandemia não nos arrasta para o medo, mas desperte em nós o temor de Deus, ou seja, o sentido de responsabilidade pelo irmão mais frágil, pois um dia seremos apresentados diante de Deus pelo que fazemos com a nossa vida e com a vida daqueles que nos rodeiam.